A Cidade Antiga Construída com 72.000 Toneladas de Diamantes

Acredita-se que os edifícios na histórica cidade alemã de Nördlingen possuam 72.000 toneladas de diamantes – criados pelo impacto de um asteroide no local onde a cidade foi construída.

Você não pode necessariamente ver o grande número de diamantes na cidade bávara de Nördlingen. Mas acredite: existem 72.000 toneladas curtas (65.300 toneladas) de diamantes microscópicos espalhados pelos edifícios da região. Eles não foram colocados lá de propósito também. Podemos agradecer a um pequeno asteroide “rebelde” por esse fenômeno incrivelmente estranho.

O referido asteroide atingiu esta região da Baviera há 15 milhões de anos, deixando para trás uma cratera de nove milhas (aproximadamente 14,5 km – no mesmo local em que você encontrará Nördlingen). O asteroide também formou suevitas – rochas compostas de vidro, diamantes, cristais e outros detritos – em seu rastro.

De acordo com um estudo sobre a distribuição desses diamantes de impacto na Alemanha, as pedras preciosas foram formadas devido à velocidade da colisão entre o asteroide e a Terra.

Em uma entrevista ao The Smithsonian, a geóloga e diretora adjunta do Museu Ries Crater, Gisela Pösges, compartilhou algumas teorias sobre o asteroide que acidentalmente decorou esta pequena cidade: “Presumimos que o asteroide era do tipo rochoso e pesava (aproximadamente) três bilhões de toneladas”.

Até a década de 1960, muitos acreditavam que a depressão maciça em que a cidade foi construída era na verdade uma cratera vulcânica. Foi o geólogo Eugene Shoemaker que finalmente relacionou a um asteroide. Porém, levou mais 10 anos para eles perceberem que havia diamantes nos destroços do asteroide.

Agora, a cidade tem várias amostras de meteoritos e diamantes em exibição. Mas essa não é a única cidade feita de diamantes: você também pode encontrar edifícios com suevitas em Berlim e Munique, de acordo com o The Smithsonian.

Traduzido/Modificado: Business Insider | BBC Reel

Um comentário em “A Cidade Antiga Construída com 72.000 Toneladas de Diamantes

  1. Edirley Sônia Nascimento Mangini Responder

    Bastante esclarecedor. Vem confirmar a existência das crateras de impacto por meteoros antes tão questionada.

Deixe uma resposta para Edirley Sônia Nascimento Mangini Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *